sábado, 2 de maio de 2009

Bolo de Tapioca com Falso Doce-de-Leite


Vocês conhecem o Bolo de Tapioca? Já comeram algum pedaço, ou só ouviram falar? Há alguns meses atrás fiquei estarrecida e com muita água na boca ao encontrar esta receita no blog da Emília! Ela por sua vez, copiou a receita do Rainhas do Lar e disse que não sossegou até fazê-lo! : ) Soube, pelos comentários no Rainhas, que a receita é bem popular na Bahia e, apesar de muitas receitas baianas serem comuns no Rio de Janeiro, nunca soube da existência deste bolo! E que bolo danado de bom!

Agora vem a parte da aventura: aqui não há farinha de tapioca! Não confundam esta farinha com a farinha de mandioca(usada para farofas) ou com o polvilho(usado para o pão de queijo)! Ela é também um produto da mandioca, mas é granulada e é muito usada para fazer Cuzcuz Baiano. A Emília teve o mesmo problema que eu, mas improvisou usando o sagú, que nada mais é do que a farinha de tapioca em bolinhas! Este é facilmente encontrado nas lojas de produtos orientais e, com menos este problema, agora só tinha que "rezar" para que o meu processador(Portugal: varinha mágica) fosse potente o suficiente para triturá-lo. Fiz um teste inicial e vi que as bolinhas eram muito duras para o motor... comecei a tremer, suar frio... ah, tinha que haver uma solução! Até que veio a idéia: já que a receita pedia mesmo para deixar a farinha de molho no leite, eu poderia tentar liquidificar as bolinhas, quando estas já estivessem macias! Foi a sorte! Deu certo, ainda que sobrassem algumas bolinhas inteiras, elas deram um toque "crocante" agradável à massa. O bolo é diferente e irresistivelmente delicioso e com a minha receita para o falso doce-de-leite de microondas... o que está estão esperando? Não deixem a vida passar sem conhecer o sabor do Bolo de Tapioca!


BOLO DE TAPIOCA
Fonte: Rainhas do Lar
Rendimento: 1 forma com buraco no meio de 22cm

Ingredientes para a massa de tapioca:
- 1 xícara* de farinha de tapioca**
- 125 ml de leite
- 125 ml de leite de côco

Misturar e deixar de molho por 8 horas.
Ingredientes restantes:
- 1 colher de sopa cheia de manteiga
- 3/4(três-quartos) de xícara de açúcar
- 2 gemas
- 1 xícara de farinha de trigo
- 1/2 (meia) colher de sopa de fermento químico
- 50 gramas de côco ralado

Cobertura:
Doce de leite(receita rápida abaixo)
Côco ralado(usei côco seco, hidratado)

* Xícara = 200 ml( meu copo medidor brasileiro)

** Ou substitua por Sagú (Tapioca pearls/Tapioka Perlen) moído ou triturado

Instruções:
Primeiramente fazer a massa de tapioca, juntando a farinha de tapioca e os leites. Deixar de molho por pelo menos 8 horas, ou deixar de um dia para o outro.
Pré-aqueça o forno à 170ºC e unte a sua forma escolhida. Reserve
Bata a manteiga o açúcar e as gemas até formar uma massa clara. Junte agora a massa de tapioca e misture até formar uma massa homogênea. Misture a farinha com o fermento e adicione à massa. Por fim adicione o côco. Se precisar, use mais um pouquinho de leite, mas cuidado, pois a massa não deverá ficar mole! Asse o bolo até que fique douradinho, em torno de 45 minutos. Cubra com a cobertura quando ainda está quente, e salpique com o côco ralado. Espere esfriar um pouco e sirva! Melhor consumí-lo no mesmo dia.


FALSO DOCE-DE-LEITE
Fonte: Dia de Domingas

Ingredientes:
- 1/2 lata de leite condensado
- 1/4 de xícara* de açúcar
- 1 colhe de chá de manteiga

Instruções:
Colocar o leite condensado numa vasilha bem grande e funda(pois ao ferver, a massa irá subir). Misturar todos os ingredientes. Levar primeiramente por 2 minutos na potência anterior à mais alta. Retire do formo(use luvas! Cuidado para não queimar as mãos!) e mexa bem. Agora, na potência mais alta, deixe por 3 minutos. Assim que acabar este tempo, espere um pouco, antes de retirar do forno. O creme vai estar ainda borbulhando e pouco dourado. Imediatamente misture rapidamente e por um tempo enquanto esfria, até ficar com aparência cremosa, brilhante e dourada. Cubra imediatamente o bolo, pois o doce irá endurecer logo. Bom apetite!

P.S.: A temperatura varia para cada forno de microondas. Sendo assim, se o que possuem for muito potente, o melhor é usar temperatura mais baixa para a primeira vez que fizer este doce. Assim, se ele ainda não estiver pronto, levar a cozer por mais 1 minuto(ou mais, se necessário).

10 comentários:

  1. Oi Deia!
    Realmente Bolo de Tapioca por aqui eu nunca vi! A aparência "molhadinha" me deu água na boca. Me lembrou a canjiquinha doce que mamy faz!!!
    Pode deixar que esta receita está na fila...marido vai gostar!

    ResponderExcluir
  2. Olá!!

    Esse bolo de tapioca com doce de leite fica com um aspecto muito guloso!

    Eu quando tenho que triturar coisas uso o moinho de café que deixa tudo super fino...açúcar, frutos secos...ficam muito mais finos que numa trituradora normal!:)

    Depois deste seu post fiquei mesmo curiosa quanto ao sabor desse bolo tão especial!...um dia lá terei que o experimentar!!:)

    Beijo!

    ResponderExcluir
  3. Eu nunca provei este bolo, nem sabia da existência desta farinha.
    Imagino que seja uma delícia, ainda mais com um docinho de leite por cima. Adoro!
    Aqui encontro Doce de Leite da Nestlé pronto para comer. É uma grande comodidade. Sempre tenho uma lata emcasa para quando faço Sonhos Assados.
    Bjs :)

    ResponderExcluir
  4. Eu já ouvi falar mas nunca fiz nada com tapioca. O aspecto é super bom :)

    ResponderExcluir
  5. Oi pessoal!

    Fico contente por apresentar uma "novidade"!

    Ah, esqueci de dar uma dica para os mais inexperientes, para congelar as claras. Vá congelando a até ter a quantidade certa para usar em receitas de bolos, pudins, suspiros, etc

    Drica: sabia que ía surpreendê-la! :)

    Leonor: muito obrigada pela dica! Tenho um moedor de café manual, que serve apenas como enfeite, mas agora vou usá-lo com certeza!

    Cláudia: imagino que no Sul não haja mesmo esta farinha... no Rio só há, por causa da popularidade do Cuzcuz Baiano!
    Mas aí nos EUA você com certeza encontrará as Tapioca Pearls (Sagú), nas lojas de produtos orientais!

    Ameixa: a farinha de tapioca serve também para fazer o Cuzcuz Baiano, que é uma espécie de pudim de côco, só que mais durinho.

    Beijos e obrigada pelos comentários!

    ResponderExcluir
  6. Não estava a pensar amanhã ir ao supermercado, mas ao ver este bolo fui à despensa e já não tenho tapioca. Tenho sagu, mas como este é mais difícil arranjar, vou mesmo comprar a tapioca.
    Parece-me muito bem.
    Xau

    ResponderExcluir
  7. Adorei a idéia de bater o sagu hidratado!!
    Da segunda vez que fiz, não coloquei o doce de leite, e acho que prefiro sem; mas ainda não sosseguei,rss, eu ainda preciso provar com a farinha de tapioca de verdade,rss!!
    Adorei o doce de leite, que de falso só tem o nome!!rs
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  8. Bolo de tapioca é muito bom,apesar que eu sò pude experimentar uma vezinha sò...
    Mas Andrea, juro que achei a sua idéia muuuito inventiva!! Hihihi.
    Sò nao sei se eu sacrificaria o meu pacote de sagu para fazer o bolo, nao! Pq eu ADORO comer sagu!!!!Sou fa-na-ti-ca.
    Se vc viesse triturar os meus, penso que me encontraria abraçada com o meu saquinho, rss.
    Vou guardar esta sua receita para qdo viajar para o Brasil, que la nao terei este problema!
    Boa semana!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  9. Andrea, de fato voce foi bem criativa, adorei a ideia de usar o sagu :) Só fiquei curiosa com o nome da cobertura: por que falso doce de leite? Esta receita para mim é de doce de leite verdadeiro mesmo!! Bjs

    ResponderExcluir
  10. Com este aspecto só pode ser uma delícia :)
    Beijinho

    ResponderExcluir

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin