sábado, 22 de novembro de 2008

Baguettes fresquinhas!

Hoje a minha paisagem amanheceu coberta de neve! Quem queria ir comprar o pão fresquinho para o nosso brunch? Esperei. A tempestade continuava sem parar. Ah, esse tempo convida a gente a passar o dia assando gostosuras, pensei... Tive então a idéia de preparar umas baguettes ! Eu uso esta receita há anos, mas confesso que já fazia um tempinho que desde a última vez que a fiz. A receita original era para a MFP, mas sempre usei a batedeira e o garfo para pães, sem problemas! Estou acrescentando dicas para os inexperientes e para os que têm medo de trabalhar e enrolar massas. Não se assustem se as instuções parecem longas, pois eu estou tentando explicar em detalhes para aqueles que nunca fizeram pães. Para os mais experientes, eu poderia resumir tudo num parágrafo curto, pois realmente é tudo muito fácil! ;-) No entanto, a minha melhor dica é: relaxem enquanto estiverem lidando com massa e trate-a com carinho e paciência, que tudo dá certo! :-) Estas baguetes são muito mais gostosas do que as da padaria, acreditem! Não perca a oportunidade de experimentar fazer este s pães!

BAGUETTES
Rendimento: 2 baguettes de cerca de 45 cm

Ingredientes:
1 xícara* de água morna
1 e 1/2 colheres de chá de fermento para pães granulado(fermipan)**
1/2 colher de sopa de açúcar
1 colher de chá de sal(rasa)
2 e 1/2 xícaras de farinha de trigo
farinha de trigo para dar o ponto
1 clara, para pincelar
fubá para polvilhar o tabuleiro (opcional)

*xícara= 200 ml
** ou 15 g de fermento fresco


Instruções:
Coloque a água numa vasilha e desmanche o fermento. Acrescente o açúcar e o sal. Com o garfo para pães da batedeira já em movimento, vá acrescentando a farinha e misture até formar uma massa uniforme. A massa deve ainda estar mole, por isso acrescente uma colher de farinha de trigo e amasse. Acrescente mais, sempre uma colher de cada vez, até a massa desgrudar das paredes da vasilha. Com as mãos enfarinhadas, tire a massa por um momento da vasilha. Pingue um poquinho de óleo na vasilha e, com a ajuda da massa, espalhe pelo fundo e um pouco pelos lados e vira também a massa no processo, para que o óleo cubra um pouquinho a superfície. Deixe descansar no forno frio, com uma vasilha pequena contendo água quente, colocada no fundo do forno. Deixe descansar por 40 minutos a 1 hora.

Depois do descanso a massa vai estar crescida e cheia de bolhas. Retire-a do vasilhame e, numa superfície(ou tabuleiro) enfarinhada, amasse-a ligeiramente. Divida-a em duas e espere uns 5 minutinhos para a massa relaxar. Agora pegue uma das massas e vá puxando ligeiramente deixando-a com formato longo. Coloque-a na superfície e, com um rolo, calmamente, vá abrindo e alongando mais a massa. Se ela não estiver muito elástica, pare um pouquinho e repita o processo. Agora abra para os lados. Você vai obter uma forma longa de mais ou menos 40 cm e com 15 cm de largura e fina em expessura. Dobre agora o lado mais comprido, bem apertadinho e enrole como para rocambole, deixando a dobra final para baixo. Aperte agora as pontas para fechar o "rolinho". Com as duas mãos, segure a massa enrolada e, delicadamente, estique-a um pouquinho, alongando-a mais, à gosto.Transfira para um tabuleiro untado (pode ser polvilhado com fubá) ou coberto com o papel manteiga. Repita o mesmo com a outra massa. Coloque-as num tabuleiro, ou cada uma em um tabuleiro.

Quando as duas baguetes estiverem no tabuleiro. Com uma faca afiada, corte dois talhos diagonais da ponta até o meio de cada uma. Leve-as novamente ao forno frio, com água quente abaixo, por 30 a 40 minutos. Retire o tabuleiro do forno e pré- aqueça a 180ºC. Enquanto isso, pincele as baguettes com uma clara batida ligeiramente com um pouquinho de água. Leve ao forno por cerca de 20 minutos, ou até ficar com a cor desejada. Deixe esfriar um pouco, antes de servir.

P.S.: As baguettes podem ser congeladas! Para este fim, asse-as sem que fiquem muito morenas, deixe esfriar completamente, coloque-as num saco plástico e congele. Quando quiser comê-las é só pré-aquecer o forno em temperatura média e colocá-las para assar por mais ou menos 10 minutos.

Dicas:
1. Trabalhe sempre com as mãos enfarinhadas.
2. Apesar da massa ser meio mole e grudenta, ela fica fácil de trabalhar se você mantê-a ligeiramente enfarinhada por fora.
3. Quem não tem um lugar seco e limpo para abrir a massa, pode fazê-lo num tabuleiro.
4. Quem tem problemas ao tranferir a massa pode evitar problemas abrindo a e enrolando-a sob um retângulo de papel manteiga. Depois de enrolada, segure o papel pelas pontas e transfira a baguete para o tabuleiro preparado. Repita a operação com a outra baguete.

4. Você pode regular o tamanho e a expessura das suas baguetes, depois de enrolada, esticando-as mais ou não. Eu costumo fazê-las com mais ou menos 45 cm, pois maior não caberia no meu forno.

24 comentários:

  1. Hummmm com aquela manteiga caseira...deu água na boca!!
    Beijos.
    Dri.

    ResponderExcluir
  2. Oi Drica! Um pao perfeito: Bon, bonito, barato! ;)

    ResponderExcluir
  3. Uauh!... estas baguettes estão com um aspecto fantástico!..douradinhas e mesmo com aquele ar estaladiço e apetitoso!
    Eu adoro pão e este só me pede para barrá-lo com manteiga!!!

    ResponderExcluir
  4. Estas baguetes ficaram lindas. Na mfp como se faz? Deita-se tudo na cuba e selecciona-se o programa massa né? Depois é só retirar e moldar, corecto?
    Gostei :)

    ResponderExcluir
  5. Gostei da maneira como explicou tudo bem detalhado. Eu adoro fazer pão, ultimamente não tenho tido grande tempo. Mas anotei tudinho, um dia destes sai baguetes.
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  6. Adorei teu pão, menina!!!
    Alias, vivo roubando tuas receitinhas de pão^^
    É que agora eu perdi o medo de vez, e estou metida a fazer pães... hahahahha.
    Vou deixar essa na manga tá, fica muito bonito!
    Kisss^^

    ResponderExcluir
  7. Estou feliz em partilhar uma receita que faz muito sucesso aqui em casa! Esqueci de dizer que as baguetes ficam podem ser congeladas. Depois é só colocá-las no forno médio e assar um pouquinho. Parecem frescas!

    Axly:a receita está aqui para isso mesmo!
    E eu já aprendi e roubei receitas de muitas de vocês! :D

    ResponderExcluir
  8. Estão lindas e parecem ter uma crosta estaladiça. Ainda só fiz 2 vezes baguetes e assim que as pus no forno borrifei água por cima, com um spray, para ficarem estaladiças, a clara batida com água dá o mesmo efeito?

    ResponderExcluir
  9. Oi Renato!
    Obrigada pela pergunta! Neste caso, não preciso borrifar água, pois o forno já estará bem úmido devido à água quente, durante os descansos. Realmente a clara batida com a água ajuda a dar o efeito estaladiço e um brilho muito bonito! Outra dica é não trabalhar muito a massa depois do primeiro descanso, assim durante o segundo descanso, as bolhas na superfície ajudarão o efeito mais rústico.

    Para quem não quer ter o efeito estaladiço, o pão fica como o dos sandwiches da rede Subway... é só pincelar com café bem forte antes de assar!
    Bjs

    ResponderExcluir
  10. Andrea ficaram lindas!
    Hoje eu tb queria fazer um pão caseiro, mas acabei ficando com preguiça. Amanhã sai, se Deus quiser.
    Aqui não neva, mas está bem frio desde o início do outono.
    Bjs :)

    ResponderExcluir
  11. Preciso preparar umas baguettes com urgência. Nunca fiz,logo eu que adora um pãozinho.
    Bjs!

    ResponderExcluir
  12. Andrea, você saberia dizer qual é esse fermento aqui no Brasil?

    ResponderExcluir
  13. Ola Andrea,
    vi seu comentario no blog da Luciana e vim conhece-la. Adorei esta receita de baguete, simplesmente perfeita, parece melhor que de muita padaria. Vou experimentar esta receita no final de semana, não vejo a hora, depois te conto. Espero que de certo.
    beijinhos

    ResponderExcluir
  14. que receita... as baguettes estao espectaculares ;-))) aqui também foi com neve, mas eu nao tive uma ideia tao boa ;-))) anotei a receita!!! beijocas de munique frio

    ResponderExcluir
  15. Oi Andrea, que lindas as baguettes ! Agora que vi que voce mora na Alemanha. Nao conheço muito a culinaria alemã (deve ser meu lado frances..ehehe) portanto estou torcendo para descobri-la por aqui ! Meu fraco sao os doces: o que que tem de bom na tua regiao?? Um bj, Flavia

    ResponderExcluir
  16. bem, apertei algum botao errado e meu comentario foi como "anonimo"... mas aqui estou eu retornando tua simpatica visita! Um bj, Flavia

    ResponderExcluir
  17. Oi Andrea! As baguetes ficaram perfeitas, iguais as da padaria! Até agora não tinha visto em lugar nenhum tamanha perfeição, a sua receita é maravilhosa, e já está anotada!
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  18. Parecem maravilhosas!
    Eu já tentei fazê-las, mas não ficaram como a sua não, me lembraram mais um pão sovado. Eu ainda não tenho máquina de fazer pão, mas se você usou a batedeira e deu certo já estou com vontade de experimentar!
    bjs

    ResponderExcluir
  19. Poxa Andrea...sou fanatica por paes e, mais ainda por baguetes.
    Mas feita em casa, nao ficou boa nenhuma receita, até agora.
    Minha intuiçao me diz para eu testar a sua com todas as suas dicas e assim, vou copiar sua receita e tentar fazer-la mais adiante.
    Valeu!
    Bjs!

    ResponderExcluir
  20. Ola!Vi essa baguete no blogger da Emilia fiquei louca de vontade de comer,rsrrs,ultimamente estou com mania de fazer pao vou tentar fazer esse,adorei seu blogger cheio de coisas gostosas,gostaria de saber sobre Langushi,nao sei se e assim que se escreve qdo estive ai comi passando um dente de alho,depois nunca mais se puder me ensinar,muito obrigada,bjos!!!!

    ResponderExcluir
  21. Alô Debora!
    Fico feliz por você ter gostado do blog. Bem, quanto ao Langushi, não sei dizer do que se trata, pois moro na Alemanha. :) Acho que você pensou que eu estava no Japão, não é?
    Bjs e volte sempre!

    ResponderExcluir
  22. Oi Andrea!

    Descobri seu blog através do da Emilia e adorei essa receita, é mais pratica do que a de baguette que eu costumo fazer (não consigo me acostumar com o pão da Alemanha - sim, tb estou aqui!).

    Beijo!

    ResponderExcluir
  23. Ficaram lindas!!! Tenho que experimentar :)

    ResponderExcluir
  24. Estas baguetes são fantásticas!! Exprimentei fazer hoje e... Uau! São melhores das que se compra na Padaria! Adorei!
    E quentinhas então.. ui!
    *

    ResponderExcluir

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin